Celebrando Dom Bosco, apóstolo de Jesus

dom-boscoDiocese SJC - Tive a alegria de participar, como Salesiano Bispo, do encontro mundial dos Bispos Salesianos nos festejos comemorativos dos 200 anos de nascimento de São João Bosco, Dom Bosco, como é mais conhecido, em Turim na Itália. Dos 124 Salesianos Bispos espalhados no mundo, se fizeram presentes 90, entre Cardeais, Arcebispos e Bispos que servem a Igreja nos cinco continentes.

Os festejos se concentraram em torno de dois grandes acontecimentos em Turim: primeiro, na sexta-feira, 22, transcorreu com a concelebração Eucarística na Catedral de Turim, presidida pelo Arcebispo da cidade, Dom Cesare Nosiglia, a veneração dos Salesianos Bispos ao Santo Sudário, o lençol que envolveu o corpo de Jesus quando foi colocado no santo sepulcro e que está em ostensão extraordinária, que se desenvolverá na cidade até o próximo dia 24 de junho. Segundo, dia 24 e 25, a Solenidade de Nossa Senhora  Auxiliadora, cuja devoção foi promovida amplamente por São João Bosco, e tem uma relevância especial por ocasião do Bicentenário do Nascimento do Santo Fundador da Família. A festa foi celebrada com solene procissão com milhares de pessoas, membros da Família Salesiana, e presidida pelo Arcebispo de Turim. Foram dias de muita formação, espiritualidade com celebrações solenes em diversos lugares.

Dom Cesar na procissão de Nossa Senhora Auxiliadora, em Turim.

Dom Cesar na procissão de Nossa Senhora Auxiliadora, em Turim.

Alguns acontecimentos: o postulador das causas dos Santos da Congregação Salesiana, Dom Pierluigi Cameroni, que refletiu sobre “A santidade do Bispo salesiano”; “Testemunho da radicalidade evangélica”, aos cuidados do Reitor-Mor, P. Ángel Fernández Artime; “Promoção da vida consagrada na Diocese” e “Experiência sobre a promoção da vida consagrada na Igreja particular”; concerto do coro da Capela Sistina Vaticana em homenagem a Maria Auxiliadora, dirigido pelo Maestro Monsenhor Massimo Palombella, SDB; Lectio Divina “O Espírito Santo e Maria na Igreja”; “Formação de Dom Bosco no Seminário de Chieri e no Colégio Eclesiástico”; “A Vida da Igreja hoje”, etc.

Normalmente, as Eucaristias eram presididas por diferentes Cardeais Salesianos, destacando-se os dois de recente nomeação: Arcebispo de Yangon em Myanmar, Cardeal Charles Bo e o Cardeal Daniel Sturla, Arcebispo de Montevidéu, Uruguai, assim como cardeais de mais antiga nomeação. Também o Reitor-Mor dos Salesianos, P. Ángel Artime, presidiu a solene festa de Nossa Senhora Auxiliadora.

17979806128_806a920d97_zForam dias de intensa vida espiritual e de fraternidade entre os Bispos, os salesianos e os milhares de membros da Família Salesiana que se fizeram presentes em Turim nesta semana inteira. Gente de todas as raças, cores, costumes, línguas, vindos todos para celebrar a Santíssima Trindade, venerar a santa Mãe de Deus, sob o título de Auxiliadora dos Cristãos e honrar São João Bosco, Pai e Mestre da Juventude, grande apóstolo de Jesus entre os jovens e as jovens. Fundador de uma Congregação e de uma Família espalhada pelos cinco continentes, dilatando a fé, anunciando Jesus e seu Evangelho, construindo a Igreja, educando e provendo os jovens e o povo, especialmente em lugares de missão.

Os salesianos criados Bispos, desde a fundação da Congregação até hoje, são 256. Inclusive o mesmo Dom Bosco presenciou a ordenação episcopal do primeiro salesiano, Giovanni Cagliero, que depois mais tarde foi Núncio e Cardeal.

O encerramento do encontro foi realizado pelo Reitor-Mor, padre Ángel Fernández Artime, que primeiramente agradeceu aos bispos, sublinhando como os dias que eles passaram juntos foram “dias de graça espiritual”. Depois, mostrou a unicidade salesiana que representa Valdocco, primeira casa salesiana fundada por Dom Bosco e berço da Família Salesiana.  Falou com satisfação de uma “Congregação madura” e, repetindo a mensagem com que acolhera os seus coirmãos bispos, disse a todos, cardeais, arcebispos e bispos: “A Congregação Salesiana é a vossa casa”.

Durante os dias de minha passagem por Roma aproveitei para tratar de alguns assuntos nas Congregações Romanas, como a Doutrina da Fé, Educação Católica, Causa dos Santos. Tive um encontro especial como o Cardeal João Braz de Aviz em sua residência, onde também encontrei as irmãs Pequenas Missionárias de Maria Imaculada (PMMI) que lá colaboram com ele. Agradeço a Deus esta oportunidade e a todos as orações e preces.

A Igreja de Jesus Cristo está muito viva e a presença de milhares de pessoas em Roma, junto de São Pedro, mostra a sua grande vitalidade, o amor dos fiéis por ela e o amor pelo Papa Francisco. Que possamos imitar os santos e santas de Deus em nosso caminho de construção do Reino de Deus.

dom_cesar_teixeira_SDB

Dom José Valmor Cesar Teixeira, SDB
Bispo diocesano de São José dos Campos